quinta-feira, 29 de março de 2012

INDICAÇÃO DE LEITURA

                          O NARIZ E OUTRAS CRÔNICAS, DE LUIS FERNANDO VERÍSSIMO

O irreverente humor de Luís Fernando Veríssimo mostra por que há certas situações que só mesmo rindo para suportar. Uma das crônicas bem humoradas desse livro é "Vidas em manchetes", que mostra as pessoas que vivem impressionadas, com medo de todas as manchetes de jornais. Veríssimo torna essas manchetes mais suportaveis, pensando em transformar tristezas da vida em humor. Veríssimo tem aproximadamente 55 livros publicados, a maioria é de humor. Leiam esse livro na sala de leitura que vocês não se arrependerão.

Postagem criada pelo aluno monitor Maicon - 7ª A

quarta-feira, 28 de março de 2012

SARAU

NOVIDADE: Vamos ter o 1º Sarau do Cyro e a data está se aproximando. Vamos começar a nos inspirar com poesias, músicas e cordéis. Veja o que cada série vai apresentar:

5ª série: Cordel
6ª série: Poesia e música
7ª série: Poesia e música
8ª série: Rap

O evento acontecerá em abril. AGUARDEM!

Postagem criada pela alunas monitoras: Victória e Mayara - 6ª A

quarta-feira, 21 de março de 2012

CONHEÇA OS NOVOS MONITORES DA SALA DE LEITURA

A monitoria está começando com tudo! Os monitores estão animados para colocar a mão na massa. E teremos novidades: nosso blog será comandado uma vez por semana pelos monitores, leitura e informática se unirão para criar o programa de rádio e muito mais. Aguardem e contiunuem acessando nosso blog. Agora vamos conhecer nossos novos monitores:


Janaina, Maicon, Mayara, Victória, Luana e Guilherme

quarta-feira, 14 de março de 2012

DIA DA POESIA

"O amor nos conduz
E nos arrasta...
Sonha só?!
Só sonhar não basta!"
Carmem Pérez

Hoje é o dia da poesia e este dia tão especial não poderia passar em branco. O Bruno (8ª C) criou uma poesia em homenagem às mulheres. Vamos apreciar:


LINDAS E BELAS MULHERES

O brilho de cada mulher
Nos fascina a cada dia
Com suas surpresas deslumbrantes
 
Maravilhosa mulher
Batalhadora
Sofredora
Mãe de todos os anjos
 
Mãe, filha, avó, irmã
Prima, tia, ou até amante
Olhar fixante
Sorriso brilhante
Sedutoras...
 
Lindas e belas mulheres
Bruno Silva de Oliveira – 8ª C

E tem mais poesia, agora com a nossa querida profª Antônia, que assina o pseudônimo de Carmem Pérez:
ENIGMÁTICO
Se você não existisse, teria que surgir
Pra poder dar brilho ao céu.
E para me redimir.


Foi como a onda do mar,
Que veio marcou e sumiu...
Sem dizer nada partiu.

Deixou saudades, e um sonho por fazer.
Mas fez o o suficiente para eu não mais
te esquecer.

Te terei na lembrança.
Embora não haja esperança.

E a felicidade presente estará,
toda vez que conseguir fitar em ti
meus pensamentos.
Para rever-te em alguns momentos.

Neste recinto não tem mais harmonia
mas você se faz presente,
Nestas mal traçadas linhas.

Nossa convivencia foi pequena demais
E o tempo não volta atrás.
E nem posso te dizer,
A falta que você me faz.

Carmem Pérez.

segunda-feira, 12 de março de 2012

quarta-feira, 7 de março de 2012

8 DE MARÇO: DIA INTERNACIONAL DA MULHER

À todas as mulheres uma bela poesia de Elisa Lucinda. Parabéns!


Aviso da lua que menstrua
Moço, cuidado com ela!
Há que se ter cautela com esta gente que menstrua...
Imagine uma cachoeira às avessas:
cada ato que faz, o corpo confessa.
Cuidado, moço
às vezes parece erva, parece hera
cuidado com essa gente que gera
essa gente que se metamorfoseia
metade legível, metade sereia.
Barriga cresce, explode humanidades
e ainda volta pro lugar que é o mesmo lugar
mas é outro lugar, aí é que está:
cada palavra dita, antes de dizer, homem, reflita..
Sua boca maldita não sabe que cada palavra é ingrediente
que vai cair no mesmo planeta panela.
Cuidado com cada letra que manda pra ela!
Tá acostumada a viver por dentro,
transforma fato em elemento
a tudo refoga, ferve, frita
ainda sangra tudo no próximo mês.
Cuidado moço, quando cê pensa que escapou
é que chegou a sua vez!
Porque sou muito sua amiga
é que tô falando na "vera"
conheço cada uma, além de ser uma delas.
Você que saiu da fresta dela
delicada força quando voltar a ela.
Não vá sem ser convidado
ou sem os devidos cortejos..
Às vezes pela ponte de um beijo
já se alcança a "cidade secreta"
a Atlântida perdida.
Outras vezes várias metidas e mais se afasta dela.
Cuidado, moço, por você ter uma cobra entre as pernas
cai na condição de ser displicente
diante da própria serpente
Ela é uma cobra de avental
Não despreze a meditação doméstica
É da poeira do cotidiano
que a mulher extrai filosofando
cozinhando, costurando e você chega com a mão no bolso
julgando a arte do almoço: Eca!...
Você que não sabe onde está sua cueca?
Ah, meu cão desejado
tão preocupado em rosnar, ladrar e latir
então esquece de morder devagar
esquece de saber curtir, dividir.
E aí quando quer agredir
chama de vaca e galinha.
São duas dignas vizinhas do mundo daqui!
O que você tem pra falar de vaca?
O que você tem eu vou dizer e não se queixe:
VACA é sua mãe. De leite.
Vaca e galinha...
ora, não ofende. Enaltece, elogia:
comparando rainha com rainha
óvulo, ovo e leite
pensando que está agredindo
que tá falando palavrão imundo.
Tá, não, homem.
Tá citando o princípio do mundo!

Elisa Lucinda